Livros

Publicado em: 23 de setembro de 2015 por João Rafael Deron

Litoral do Paraná: Território e perspectivas sociedade, ambiente e gestão

Livro 1 – Click sobre a figura para acessar o livro na integra

Ao atingir a trajetória de três anos, o Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável da Universidade Federal do Paraná, apresenta o primeiro volume Sociedade, Ambiente e Gestão da coleção Litoral do Paraná: território e perspectivas, com a pretensão de iniciar um diálogo em torno dos estudos acerca do desenvolvimento, do território e da sustentabilidade. O jovem programa sediado na Mata Atlântica biodiversa e multicultural do sul do Brasil vem contribuir para o debate desta preciosa temática em nível regional, sem descuidar de referenciais teóricos de expressividade e que ganham destaque ao longo desta primeira obra. As contribuições estão todas inseridas nesta matriz paisagística de alta complexidade natural, social, política e econômica, o litoral do Paraná, que aqui é caracterizada a partir da diversidade inter e multidisciplinar de olhares.
O propósito, nessa primeira obra, foi reunir um conjunto de contribuições articuladas pelo recorte espacial do litoral do Paraná de norte a sul, abrangendo temáticas que vão desde suas planícies, serras, rios, praias e baías, adentrando pelo Porto de Paranaguá, por comunidades, cidades e conjuntos habitacionais no entorno de florestas. O projeto do livro nasceu de um encontro do Comitê Científico e do Grupo de Pesquisas em Desenvolvimento Territorial Sustentável do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável, no qual iniciamos as reflexões sobre as diversas maneiras que um curso de pós-graduação inserido e comprometido com as questões territoriais pode contribuir para novos e alternativos modelos de desenvolvimento. Para tanto, se faz necessário uma imersão neste contexto e em suas problemáticas socioambientais e é a partir daí que o programa inicia uma série de intercâmbios de ideias e de relações institucionais que enriquecem a coleção.

 

 


Litoral do Paraná: Território e perspectivas cultura, saúde e educação

Livro 2 – Click sobre a figura para acessar o livro na integra


O Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável da Universidade Federal do Paraná apresenta o segundo volume Cultura, Saúde e Educação da Coleção “Litoral do Paraná: território e perspectivas” como meio de estimular conhecimento e seguir com o diálogo em torno dos estudos acerca do desenvolvimento, do território e da sustentabilidade. Como mencionado no primeiro volume, o projeto desta publicação nasceu de um encontro do Comitê Científico e do Grupo de Pesquisas em Desenvolvimento Territorial Sustentável do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável, no qual se refletiu sobre as diversas maneiras que um curso de pós-graduação, inserido e comprometido com as questões territoriais, pode contribuir para novos e alternativos modelos de desenvolvimento.

É fundamental lembrar que esta Coleção, agora em seu segundo volume, pretende ser uma obra viva e dinâmica, a revelar uma diversidade de olhares sobre o litoral paranaense. Nesses olhares se misturam inquietações, questionamentos, quadros diagnósticos, perspectivas, e, sobretudo, entusiasmo por esta região. Estudiosos e pesquisadores com distintas trajetórias e formações, se unem aqui para partilhar resultados de reflexões e dedicados processos de investigação científica. A Coleção “Litoral do Paraná: território e perspectivas” firma-se para nosso Programa como uma estratégia permanente de difusão de conhecimento sobre o litoral paranaense, ao mesmo tempo em que atende à convicção de seus autores a respeito da necessidade de se comunicar com o público mais amplo, além dos limites da universidade. A expectativa é que estes volumes iniciais, junto a tantos outros que deverão vir, se revelem importante acervo de saberes e principalmente fonte de possibilidades e alternativas, que sirvam de base para novas compreensões e referência para instituições e o conjunto da vida social e política.

 

 


TEMAS EMERGENTES EM JURISPRUDÊNCIA, ÉTICA E JUSTIÇA AMBIENTAL NO SÉCULO XXI

Click sobre a figura para acessar o livro na integra

O Prêmio José Bonifácio de Andrada e Silva é um projeto que visa promover o desenvolvimento e o amadurecimento da pesquisa no Direito Ambiental, premiando os melhores ensaios acadêmicos em sete categorias distintas, quais sejam: estudante de graduação; estudante de especialização; estudante de mestrado; estudante de doutorado; especialista; mestre; e doutor. Com isso, busca-se propiciar o amadurecimento do Direito Ambiental e fortalecer a efetivação do sistema normativo, estimulando a pesquisa crítica e o enfoque transdisciplinar, bem como a formação de novos operadores do Direito.

Anualmente, após a publicação do edital de divulgação do Prêmio, o Instituto O Direito por um Planeta Verde recebe vários ensaios acadêmicos, em suas diversas categorias. Sob a coordenação do Prof. Dr. José Rubens Morato Leite e da Profa. Dra. Heline Sivini Ferreira, uma comissão julgadora composta essencialmente por professores doutores em Direito dedica-se à avaliação cega por pares, chegando-se ao resultado final.

Vencido esse processo, enuncia-se abaixo os seis ensaios vencedores do V Prêmio José Bonifácio de Andrada e Silva, cada um deles compondo um capítulo da presente obra.
Direito à Participação e Mineração: as contribuições do direito francês para o direito brasileiro, de autoria de Pedro Henrique Saad Messias de Souza, vencedor na categoria estudante de graduação.
Responsabilidade Penal da Pessoa Jurídica e a Tese da Dupla Imputação nos Crimes Ambientais: análise de uma
evolução jurisprudencial, de autoria de Guilherme Mariani, vencedor na categoria estudante de especialização.
Fundo Ambiental de Reparação de Danos decorrentes de Mudanças Climáticas: uma proposta para o direito brasileiro, de autoria de Diego de Alencar Salazar Primo, vencedor na categoria estudante de mestrado.
Vulnerabilização Humana e Injustiças Ambientais no Entorno de Áreas Naturais Protegidas da Mata Atlântica em Zonas Urbanas, de autoria de Fernanda de Souza Sezerino, vencedora na categoria mestre.
 (Mestrando do PPGDTS) (…)

 

 


Caro Leitor,e-book simposio

A Comissão Organizadora, com muita alegria, apresenta o Ebook “Diálogos Interdisciplinares em Desenvolvimento Territorial Sustentável: Políticas, Ecologias e Saberes” com os Anais do I Simpósio Brasileiro de Desenvolvimento Territorial Sustentável.

A proposta do evento nasceu em 2014, no seio do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável (PPGDTS), sediado no Setor Litoral da Universidade Federal do Paraná (UFPR Litoral), município de Matinhos, litoral do Estado do Paraná. Nossa região está entre os maiores remanescentes de Mata Atlântica do Brasil, cercada por ilhas, baías, manguezais, praias e florestas. Aqui vivem muitas comunidades tradicionais, o que torna a materialização deste simpósio nesse cenário específico, uma empreitada de simbologia muito grande.

Ao longo de doze meses, um coletivo de voluntários (docentes, mestrandos/as técnicos/as administrativos e estudantes de graduação) trabalhou árdua e afetuosamente para estruturar este evento. Buscando sempre contemplar uma programação científica que promovesse reflexões e intercâmbio de experiências, ajudando a pensar a questão do desenvolvimento territorial sustentável e suas diferentes conexões interdisciplinares. Acreditamos que o sucesso do evento seja fruto principalmente da adesão de cada um/uma de vocês participantes, que acreditaram em nossa proposta e atenderam ao nosso chamado, vindo de diversas regiões do país e também de outros países.

Ficamos muito honrados com o recebimento de mais de 200 trabalhos científicos na primeira edição de um simpósio, que já nasce grande, e esperamos que frutifique e se amplie em suas próximas edições. (….)

Portanto, agradecemos a participação de todos/as congressistas, palestrantes, mediadores/as, assim como o empenho e dedicação de todas as pessoas e instituições que contribuíram para tornar o sonho deste evento algo real e concreto.

Este Ebook está organizado em três sessões. A primeira traz como capítulos os artigos completos apresentados nos 13 Grupos de Trabalho do evento. A segunda sessão traz como suplemento do Ebook os resumos apresentados durante a sessão de paíneis do evento. Por fim a terceira sessão traz os projetos de pesquisa apresentados no “Consórcio de Projeto de Pesquisas”.

Esperamos desta forma que as reflexões produzidas por cada autor possa ser divulgada de forma ampla e democrática, sempre com o objetivo de promover o diálogo dos saberes para construção do conhecimento sobre o Desenvolvimento Territorial Sustentável.


 

FARINHEIRAS DO BRASIL: TRADIÇÃO, CULTURA E PERSPECTIVAS DA PRODUÇÃO FAMILIAR DE FARINHA DE MANDIOCA

Farinheiras do Brasil_EBOOK

A ideia de organizar um conjunto de trabalhos sobre o tema “farinheiras do Brasil” surge, por parte dos organizadores, em decorrência de um conjunto de atividade de pesquisa-ação realizadas junto às farinheiras do Litoral do Paraná. Em 2008 iniciou-se um diagnóstico para mapear farinheiras nos sete municípios que compõem o Litoral paranaense (Antonina, Guaratuba, Guaraqueçaba, Matinhos, Morretes, Paranaguá e Pontal do Paraná), motivados pelos relatos da importância socioeconômica e cultural da atividade produtiva na Região. No inicio, coletaram-se informações referentes ao número de farinheiras, equipamentos utilizados, organização da produção, potencialidades e dificuldades etc. Ao longo dos anos, em um processo de aproximação extensionista com as farinheiras comunitárias, foi possível conhecera realidade das famílias produtoras de farinha e, consequentemente, ampliar os conhecimentos sobre a atividade produtiva. Ao final de quase seis anos de pesquisa-ação com as farinheiras do Litoral do Paraná, observa-se que “as farinheiras” experimentam um momento de inflexão em sua história; o futuro da atividade é incerto e se teme pela perda desta prática produtiva e cultural.

Com a coletânea Farinheiras do Brasil: tradição, cultura e perspectiva da produção familiar de farinha mandioca se reúne um conjunto de saberes científicos produzidos em diferentes Estados brasileiros (RS, PR, SC, BA, AL, MA, PA, AC), evidenciando a riqueza de elementos sociais, ambientais, econômicos, culturais e territoriais inerentes à atividade familiar de farinhar.

O conjunto de textos desta coletânea deve possibilitar aos leitores um contato com um tema carregado de histórias e de saberes fazer, inerentes à cultura brasileira. No seu bojo, apresenta um conjunto de expressões que estão presentes nos convívios sociais e nas práticas produtivas de quem sabe farinhar, que possibilitariam elaborar um dicionário:  “dicionário da farinha”. A presente coletânea não tem este propósito, mas possibilitará ao leitor o acesso a uma diversidade de expressões e saberes que estão além dos dicionários tradicionais. (…)


LITORAL DO PARANÁ – REFLEXÕES E INTERAÇÕES

LITORAL DO PARANÁ - REFLEXOES E INTERACOES

Este livro é resultante de um conjunto de reflexões produzidas em atividades de extensão e pesquisa universitárias realizadas pela comunidade acadêmica e colaboradores da Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral (UFPR Litoral). Sua principal expressão consiste no comprometimento dessa universidade com o seu entorno, o que reflete o propósito da criação da unidade educacional no Litoral, com sede em Matinhos/PR.

A temática “Litoral Paranaense” tem sido iluminadora das ações da universidade desde sua instalação em 2005. Ao mesmo tempo em que há o desafio de propor aos membros da comunidade acadêmica que aportem contribuições para a sociedade, existe a necessidade de conhecer de forma mais profunda essa porção do território brasileiro. O Litoral do Paraná congrega sete municípios e um conjunto denso de questões instigadoras para aqueles que se inspiram na ideia de construção de uma sociedade mais justa e equilibrada. A diversidade de abordagens e de temáticas traduz uma amostra do mosaico de ações e de reflexões que derivam dos primeiros cinco anos de existência da UFPR Litoral.

A partir da temática norteadora que se traduz no título “Litoral do Paraná: Interações e Reflexões” o livro foi organizado em duas partes. A primeira congrega os capítulos que realizam o que chamamos de “Diálogos de pesquisa e extensão”.De forma geral, são reflexões e relatos originados de trabalhos desenvolvidos em um dos municípios, em uma comunidade ou em um grupo de municípios. A segunda parte,denominada de “Diálogos de pesquisa e ensino”, congrega capítulos nos quais os autores dialogam com as práticas sociais imprimidas pela universidade no processo de repensar os cursos de graduação. (…)

 

 


A inclusão, a inserção, a interação, a investigação…: Os in(s) da extensão no Litoral do Paraná

OS IN(S) DA EXTENSÃO0001

Este livro é fruto das ações de fortalecimento e divulgação da Coordenadoria de Extensão da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Universidade Federal do Paraná e resultante de um conjunto de reflexões derivadas de alguns dos programas e projetos de extensão universitária no Setor Litoral da Universidade Federal do Paraná.

Seu título: “A inclusão, a inserção, a interação, a investigação…: Os in(s) da extensão no Litoral do Paraná” procura destacar a extensão em suas múltiplas possibilidades acadêmicas.

Entre os principais in(s) da extensão estão: a inclusão, a inserção, a interação, a investigação, a indissociabilidade com o ensino e a pesquisa, a interdisciplinaridade, a integralização, as intenções, entre outros que ao mesmo tempo em que o produzem, o legitimizam-no. Os in(s) da extensão são tão importantes que merecem um breve comentário.

A extensão, o ensino e a pesquisa são processos de aprendizagem. Metodologias que se distinguem por critérios de construção, sendo estes elementos determinantes nos critérios de diagnosticar uma formação de nível universitário. (…)

 


Fisioterapia em Neuropediatria

lucianaA Fisioterapia na área da Neuropediatria tem expandido muito na atualidade. Os avanços técnico-científicos permitem paulatinamente uma atuação profissional diferenciada, embasada em evidências científicas relacionadas aos aspectos plásticos do Sistema Nervoso Central (SNC) e com resultados mais promissores. Considerando-se o desenvolvimento de recursos e técnicas na área, percebe-se uma necessidade iminente de atualização profissional e disseminação do conhecimento científico sobre a área. Este volume agrupa trabalhos de pesquisa, revisão de literatura e estudos de caso, com foco na intersecção da Fisioterapia com a Neuropediatria. A coletânea de capítulos abrange didaticamente tópicos atuais e relevantes, explorando direções futuras para a pesquisa e a atuação profissional nesta área. Desta forma, este livro vem suprir a carência de material de referência, principalmente sobre técnicas de intervenção, relativas ao assunto. Entre os diversos assuntos abordados, destacam-se as correlações da neurofisiologia e da neuroplasticidade com os processos de aprendizagem motora e reabilitação, o desenvolvimento motor típico, as encefalopatias crônicas da infância, acessibilidade e tecnologias assistiva, escalas de avaliação em Neuropediatria, e, as principais técnicas e formas de intervenção na área: Kabat, Bobath, psicomotricidade, adequação postural e atuação em terapia intensiva.